MAB FAAP recebeu a doação de um vestido Pierre Cardin

TEXTO

Comunicação FAAP


FOTOS

Fernando Silveira / FAAP, Rafayane Carvalho / FAAP e Silvio Soares Bento / FAAP



DATA


COMPARTILHE



COMPARTILHE

COMPARTILHE

MAB FAAP recebeu a doação de um vestido da marca francesa Pierre Cardin, que agora compõe o acervo de moda do nosso museu. O vestido foi produzido na França e é uma das últimas criações do designer Pierre Cardin.

Neste ano, o represente da marca, Rodrigo Cardin, foi recebido pelo Diretor-Presidente da Fundação Armando Alvares Penteado, Antonio Bias Bueno Guillon, e esteve no Centro Universitário FAAP, onde visitou o museu da fundação e conversou com estudantes do curso de Moda. Nesta ocasião ele visitou o acervo de moda do museu e decidiu então doar a peça, que agora faz parte do acervo com mais de 400 peças.

“É um prazer poder conversar com os alunos desta tão prestigiosa faculdade, que faz parte da história da nossa marca”, disse Rodrigo Cardin, relembrando a longa e produtiva relação entre Pierre Cardin e a faculdade.

Pierre Cardin esteve na FAAP em março de 1994 para uma aula magna, onde contou sobre os grandes momentos da sua carreira, desde quando trabalhou para Christian Dior em 1946 até a abertura de sua empresa em 1950, e do encontro com grandes líderes, como o papa João Paulo II.

Naquele mês de março ele também apresentou uma coleção que inaugurou a exposição “Pierre Cardin – passado, presente e futuro”, que apresentou modelos realizados pelo estilista francês em seus 40 anos de carreira. O desfile, que teve lugar nas escadarias do prédio que abriga o MAB FAAP – Museu de Arte Brasileira marcou época.

Quando vinha ao Brasil, o estilista costumava se hospedar na Casa Rosada, propriedade da FAAP, onde realizava jantares e recebia convidados. Pierre Cardin é considerado um dos principais responsáveis pela popularização da alta costura, tendo construído um dos maiores impérios de moda do mundo.

Outros ícones da moda que já passaram pela FAAP 

Christian Lacroix

Em comemoração pelos 50 anos da fundação, a FAAP recebeu, em 1997, o estilista Christian Lacroix, que realizou, pela primeira vez fora de Paris, um desfile com sua coleção de alta-costura. O estilista veio à fundação a convite da Celita Procopio de Carvalho, presidente do conselho de curadores da FAAP. Além do desfile, o programa contou ainda com uma exposição no MAB FAAP e uma aula magna para convidados e alunos.

Oscar de La Renta

Em 1995, o estilista Oscar de La Renta esteve na FAAP para uma palestra sobre o papel de suas criações, ele falou sobre a magia de seu trabalho, sobre como é ter uma inspiração e transformá-la em um objetivo palpável, que se pode vestir e usar para firmar sua personalidade. A palestra foi uma verdadeira reflexão sobre a moda ser material e etérea ao mesmo tempo.


TEXTO

Comunicação FAAP


FOTOS

Fernando Silveira / FAAP, Rafayane Carvalho / FAAP e Silvio Soares Bento / FAAP


DATA


Desafio Salvador Dalí: Uma exposição surreal na FAAP

Comprar Ingresso

Outras notícias que você também pode gostar

Você está vendo:

Fique por dentro de tudo o que acontece na FAAP

MAB FAAP

MAB FAAP inaugura exposição “Reverberações Surrealistas” com 137 obras de 87 artistas

O Museu de Arte Brasileira da FAAP (MAB FAAP) abrirá suas portas para a exposição Reverberações Surrealistas no dia 25 de junho, terça-feira, até 29 de setembro de 2024. A mostra, inspirada no movimento surrealista, será realizada na sala Annie Alvares Penteado e apresentará 137 obras de 87 artistas, todos com influência do surrealismo. As obras dialogam com a exposição Desafio Salvador Dalí, em cartaz também no MAB. A curadoria é de Laura Rodríguez, graduada e pós-graduada pela FAAP. Trabalha com o MAB desde 2004, e assumiu a Coordenadora de Curadoria e Acervo do museu em 2018. “O MAB FAAP decidiu esse ano homenagear os 100 anos do Manifesto Surrealista. Além de sediar no Brasil o Desafio Salvador Dali, uma mostra abrangente sobre a obra do artista espanhol, apresenta agora uma seleção de obras do seu acervo, que denotam uma influência ou afinidade com esse movimento vasto e importante da história da arte mundial”, afirma a curadora. Núcleos Expositivos: Surrealismo entre os Modernistas: Apresenta obras que incorporam características do movimento surrealista, com alguns artistas que estiveram na Europa entre os anos 1920 e 1940, trazendo os ideais do movimento ao Brasil. Realismo Mágico: Neste núcleo serão exibidas pinturas alemãs com características surrealistas. Com obras dos artistas Walter Lewy, Hein Heckroth e Heinz Kühn, além de artistas que participaram do Realismo Mágico no Brasil, como Wesley Duke Lee. Grupo Phases: Movimento francês dos anos 1950 que chegou ao Brasil na década seguinte. O grupo defendia a expressão livre e gestos espontâneos associados aos imaginários mágico e folclórico. Além disso, destacavam a produção de crianças, pessoas com doenças mentais, povos não ocidentais e artistas populares. Entre os artistas deste núcleo, estão Fernando Odriozola, Flávio Shiró, Bernardo Cid, Wesley Duke Lee e Bin Kondo. Paisagens Metafísicas: Obras que remetem à vertente desenvolvida pelos italianos Giorgio de Chirico e Carlo Carrà na década de 1910. Inclui obras de Cecília Suzuki, Flavio Bassani, Isabel Pons, Eduardo Iglesias, Luiz Paulo Baravelli, Lula Cardoso Ayres e Sergio Vaz de Almeida Christovão. Sonhos e Fabulações: Núcleo que explora o mundo onírico incorporado pelo surrealismo. Obras de Marcello Grassmann, Roberto Magalhães e Guilherme de Faria são destaques. Fotografia Surreal: Fotografias com efeitos fantasiosos e elementos do surrealismo. Artistas como Amanda Mei, Klaus Mitteldorf e Mario Cravo Neto estão presentes. Cartazes de Cinema Surrealista: Apresenta cartazes de filmes da coleção da Filmoteca FAAP, incluindo títulos como “Medo e Delírio” de Terry Gilliam, “O Homem Elefante” de David Lynch, “A Forma da Água” de Guillermo del Toro, “Terras” de Maya Da-Rin, entre muitos outros. Ficções Contemporâneas: Obras contemporâneas que dialogam com a fantasia e a invenção fabulosa. Entre os artistas, estão Guilherme de Faria, Genietta Varsi, e Guerreiro do Divino Amor, artista suíço-brasileiro. Alguns artistas presentes estiveram na Residência Artística FAAP – São Paulo. Serviço Visitação: de 25 de junho, terça-feira, a 29 de setembro de 2024 Sala Annie Alvares Penteado MAB FAAP Endereço: Rua Alagoas, 903 – Higienópolis Horário de funcionamento: De terça-feira a domingo, das 9h às 20h (acesso até 19h30) Fechado às segundas-feiras, inclusive quando feriado Entrada

Fique por dentro de tudo o que acontece na FAAP

Newsletter