FAAP SEDIA WORKSHOP PARA DISCUTIR E FOMENTAR O TRABALHO EM REDE NO SETOR CULTURAL COM A PARTICIPAÇÃO DE PESQUISADORES DA UNIVERSIDADE DO MINHO, DE PORTUGAL – 22 DE AGOSTO

CATEGORIA


DATA


COMPARTILHE


“De que falamos quando falamos de redes culturais?”. Para discutir a questão, a FAAP, em São Paulo, recebe para workshop aberto ao público, no dia 22 de agosto, às 20h, os pesquisadores Manuel Gama e Fernanda Pinheiro da Universidade do Minho, de Portugal.

O workshop integra o projeto “Redes de Cooperação Cultural Transnacionais: Portugal europeu, lusófono e ibero-americano”, cujo objetivo é promover a discussão crítica e construtiva sobre aspetos relacionados à cultura, às redes e à política cultural.

O projeto conta com o apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BDP/101985/2014), e os pesquisadores estão em missão no Brasil pelo programa Cultural Cooperation Networks – Creative Laboratoy (2CN-CLab), organizado pelo Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS) da Universidade do Minho com o apoio do SESC e da Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI).

 

Para participar, é necessário fazer inscrição pelo link:

https://central.faap.br/inscricaoonline/eventos/EventoMensagem.aspx?curso=PQFQFRSP_22.08.18

 

O workshop é organizado pela FAAP, a partir de seu curso superior de tecnologia em Produção Cultural, pelo CECS da Universidade do Minho, SESC-SP e OEI.

 

“De que falamos quando falamos de redes culturais?”

Data: 22/8 (quarta-feira)

Horário: das 20h às 22h

Local: FAAP

Endereço: Rua Alagoas, 903 – Higienópolis


DATA



CATEGORIA


COMPARTILHE

COMPARTILHE

“De que falamos quando falamos de redes culturais?”. Para discutir a questão, a FAAP, em São Paulo, recebe para workshop aberto ao público, no dia 22 de agosto, às 20h, os pesquisadores Manuel Gama e Fernanda Pinheiro da Universidade do Minho, de Portugal.

O workshop integra o projeto “Redes de Cooperação Cultural Transnacionais: Portugal europeu, lusófono e ibero-americano”, cujo objetivo é promover a discussão crítica e construtiva sobre aspetos relacionados à cultura, às redes e à política cultural.

O projeto conta com o apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BDP/101985/2014), e os pesquisadores estão em missão no Brasil pelo programa Cultural Cooperation Networks – Creative Laboratoy (2CN-CLab), organizado pelo Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS) da Universidade do Minho com o apoio do SESC e da Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI).

 

Para participar, é necessário fazer inscrição pelo link:

https://central.faap.br/inscricaoonline/eventos/EventoMensagem.aspx?curso=PQFQFRSP_22.08.18

 

O workshop é organizado pela FAAP, a partir de seu curso superior de tecnologia em Produção Cultural, pelo CECS da Universidade do Minho, SESC-SP e OEI.

 

“De que falamos quando falamos de redes culturais?”

Data: 22/8 (quarta-feira)

Horário: das 20h às 22h

Local: FAAP

Endereço: Rua Alagoas, 903 – Higienópolis

Mercado e comportamento no Século XXI

Garanta sua vaga

Outras notícias que você também pode gostar

Você está vendo:

Fique por dentro de tudo o que acontece na FAAP


Comunicação e Audiovisual

FAAPCast | Ex-aluno conta sobre sua trajetória e conquistas no mundo de games  

Apresentado por Ana Júlia Ribeiro, o FAAPCast recebeu esta semana Rodrigo Terra, ex-aluno de Rádio e TV da FAAP, que compartilhou detalhes sobre sua trajetória desde os primeiros passos na universidade até as conquistas que o tornaram uma referência no cenário internacional.  Ao entrar na FAAP, Terra encontrou o ambiente propício para explorar sua curiosidade e múltiplos interesses. Fascinado pelos bastidores e pela parte técnica da produção audiovisual, percebeu a importância de compreender todo o processo para se destacar no mercado. Sua atuação como aluno da FAAP já mostrava sua habilidade em conectar pessoas e conteúdos, preparando o terreno para seu futuro.   A história de Rodrigo é marcada por uma série de experiências enriquecedoras, incluindo estágios em televisão, iniciação científica na FAAP e trabalhos freelancers em diversas empresas. Essas experiências culminaram na fundação da produtora FAZENDA URBANA, ao lado de seu irmão, consolidando sua posição no mercado audiovisual brasileiro.   No entanto, o ápice de sua carreira veio com o reconhecimento internacional. Terra tornou-se o primeiro brasileiro a receber um prêmio no Festival de Veneza, com sua obra “The Line”, uma mistura inovadora de instalação artística e narrativa de games, que também foi premiada com um EMMY.   Hoje, Rodrigo é cofundador da ARVORE e presidente da Abragames, e a conversa com ele abordou desde sua visão sobre conteúdo até suas reflexões sobre a essência humana, proporcionando aos ouvintes uma experiência inspiradora.  Para aqueles que desejam entender os bastidores do sucesso e as complexidades do mercado de entretenimento, este episódio do FAAPCast está disponível em nosso canal no

Fique por dentro de tudo o que acontece na FAAP

Newsletter