FAAP ABRE INSCRIÇÕES PARA O CURSO A DISTÂNCIA DE CHINÊS VOLTADO A NEGÓCIOS

CATEGORIA


DATA


COMPARTILHE


O mandarim, assim como o inglês, tem se tornado um idioma comum no mundo dos negócios. Por isso, o seu domínio é imprescindível para quem trabalha em áreas como comércio exterior, importação, legislação, tributação, entre outras.

Estima-se que mais de 30 milhões de pessoas estejam aprendendo mandarim em mais de 2,5 mil universidades espalhadas pelo mundo. No Brasil, o Instituto Confúcio para Negócios FAAP desenvolveu o Curso de Chinês para Negócios EAD com professores nativos e carga horária de 60 horas, ao longo de 13 semanas.

Durante as aulas, além de aprender a escrita (ideogramas), leitura, fala e compreensão, o aluno tem uma abordagem intercultural, com um programa ministrado, exclusivamente, por professores chineses nativos. Ademais, os áudios, telas, diálogos e exercícios práticos que facilitam o autoestudo encontram-se disponíveis, 24 horas por dia, sete dias por semana, na plataforma CANVAS, de fácil acesso por parte do aluno.

Para lidar com situações do mundo corporativo num contexto multicultural, o Instituto promove a língua chinesa, auxiliando também o intercâmbio cultural, com palestras e seminários empresariais sobre a relação entre a China e o Brasil.

Criado em 2012, o Instituto Confúcio é supervisionado pelo Departamento do Conselho Internacional de Língua Chinesa. A cooperação do Instituto Confúcio é estabelecida entre as instituições de ensino superior estrangeiras e chinesas com o apoio do HANBAN – abreviatura em chinês para Escritório Nacional da China para o Ensino da Língua Chinesa.

O Curso de Chinês para Negócios EAD também oferece três encontros presenciais e contato direto com os professores por meio de reuniões mensais e conferências on-line para as aulas e plantões de dúvidas.

 

Sobre o Instituto Confúcio para Negócios FAAP

Em parceria com a University of International Business & Economics (UIBE), a Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) abriga uma unidade do Instituto Confúcio para Negócios cuja matriz fica no seu campus principal, em São Paulo. O Instituto Confúcio para Negócios FAAP tem por objetivo promover a língua e cultura chinesas, com a ênfase em negócios, oferecendo, além do estudo da língua, seminários empresariais, cursos de capacitação sobre a China em nível de pós-graduação e atividades culturais e artísticas. Com o intuito de melhorar o conhecimento mútuo sino-brasileiro, criou uma plataforma sofisticada para temáticas relacionadas à China. A cooperação do Instituto Confúcio é estabelecida entre as instituições de ensino superior estrangeiras e chinesas com o apoio do HANBAN.

 

Mais informações: http://faap.br/institutoconfucio/curso-chines-negocios-ead.asp

 


DATA



CATEGORIA


COMPARTILHE

COMPARTILHE

O mandarim, assim como o inglês, tem se tornado um idioma comum no mundo dos negócios. Por isso, o seu domínio é imprescindível para quem trabalha em áreas como comércio exterior, importação, legislação, tributação, entre outras.

Estima-se que mais de 30 milhões de pessoas estejam aprendendo mandarim em mais de 2,5 mil universidades espalhadas pelo mundo. No Brasil, o Instituto Confúcio para Negócios FAAP desenvolveu o Curso de Chinês para Negócios EAD com professores nativos e carga horária de 60 horas, ao longo de 13 semanas.

Durante as aulas, além de aprender a escrita (ideogramas), leitura, fala e compreensão, o aluno tem uma abordagem intercultural, com um programa ministrado, exclusivamente, por professores chineses nativos. Ademais, os áudios, telas, diálogos e exercícios práticos que facilitam o autoestudo encontram-se disponíveis, 24 horas por dia, sete dias por semana, na plataforma CANVAS, de fácil acesso por parte do aluno.

Para lidar com situações do mundo corporativo num contexto multicultural, o Instituto promove a língua chinesa, auxiliando também o intercâmbio cultural, com palestras e seminários empresariais sobre a relação entre a China e o Brasil.

Criado em 2012, o Instituto Confúcio é supervisionado pelo Departamento do Conselho Internacional de Língua Chinesa. A cooperação do Instituto Confúcio é estabelecida entre as instituições de ensino superior estrangeiras e chinesas com o apoio do HANBAN – abreviatura em chinês para Escritório Nacional da China para o Ensino da Língua Chinesa.

O Curso de Chinês para Negócios EAD também oferece três encontros presenciais e contato direto com os professores por meio de reuniões mensais e conferências on-line para as aulas e plantões de dúvidas.

 

Sobre o Instituto Confúcio para Negócios FAAP

Em parceria com a University of International Business & Economics (UIBE), a Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) abriga uma unidade do Instituto Confúcio para Negócios cuja matriz fica no seu campus principal, em São Paulo. O Instituto Confúcio para Negócios FAAP tem por objetivo promover a língua e cultura chinesas, com a ênfase em negócios, oferecendo, além do estudo da língua, seminários empresariais, cursos de capacitação sobre a China em nível de pós-graduação e atividades culturais e artísticas. Com o intuito de melhorar o conhecimento mútuo sino-brasileiro, criou uma plataforma sofisticada para temáticas relacionadas à China. A cooperação do Instituto Confúcio é estabelecida entre as instituições de ensino superior estrangeiras e chinesas com o apoio do HANBAN.

 

Mais informações: http://faap.br/institutoconfucio/curso-chines-negocios-ead.asp

 

Mercado e comportamento no Século XXI

Garanta sua vaga

Outras notícias que você também pode gostar

Você está vendo:

Fique por dentro de tudo o que acontece na FAAP


Comunicação e Audiovisual

FAAPCast | Ex-aluno conta sobre sua trajetória e conquistas no mundo de games  

Apresentado por Ana Júlia Ribeiro, o FAAPCast recebeu esta semana Rodrigo Terra, ex-aluno de Rádio e TV da FAAP, que compartilhou detalhes sobre sua trajetória desde os primeiros passos na universidade até as conquistas que o tornaram uma referência no cenário internacional.  Ao entrar na FAAP, Terra encontrou o ambiente propício para explorar sua curiosidade e múltiplos interesses. Fascinado pelos bastidores e pela parte técnica da produção audiovisual, percebeu a importância de compreender todo o processo para se destacar no mercado. Sua atuação como aluno da FAAP já mostrava sua habilidade em conectar pessoas e conteúdos, preparando o terreno para seu futuro.   A história de Rodrigo é marcada por uma série de experiências enriquecedoras, incluindo estágios em televisão, iniciação científica na FAAP e trabalhos freelancers em diversas empresas. Essas experiências culminaram na fundação da produtora FAZENDA URBANA, ao lado de seu irmão, consolidando sua posição no mercado audiovisual brasileiro.   No entanto, o ápice de sua carreira veio com o reconhecimento internacional. Terra tornou-se o primeiro brasileiro a receber um prêmio no Festival de Veneza, com sua obra “The Line”, uma mistura inovadora de instalação artística e narrativa de games, que também foi premiada com um EMMY.   Hoje, Rodrigo é cofundador da ARVORE e presidente da Abragames, e a conversa com ele abordou desde sua visão sobre conteúdo até suas reflexões sobre a essência humana, proporcionando aos ouvintes uma experiência inspiradora.  Para aqueles que desejam entender os bastidores do sucesso e as complexidades do mercado de entretenimento, este episódio do FAAPCast está disponível em nosso canal no

Fique por dentro de tudo o que acontece na FAAP

Newsletter